© everlark

Então pessoal, faz séculos que não entro no gifsrestart. Estou completamente sem tempo para NADA e irei desativar o gifsrestart. Talvez um dia eu volte. Não, não quero drama na minha ask, agradeço a todos por reblogarem meus gifs e me mandarem asks mesmo sendo xingamentos como elogios. Obrigado a todos e uma boa noite! 


 ♡  1
 
 posted 2 years ago

 ♡  1103
 

#pedrolucas    #gifsrestart    #minha estrela     ♡  12
 
 posted 2 years ago

#lucas    #gifsrestart    #minha estrela     ♡  25
 
 posted 2 years ago

#restart    #gifsrestart    #minha estrela    #que saco    #ficou um lixo     ♡  159
 
 posted 2 years ago

Aperte Play e leia..

Pe Lanza: Antes da fama Pe Lanza foi rejeitado após um terrível trauma de família. Quando Pedro tinha 10 meses, o irmão dele, Marco foi atropelado e faleceu aos 12 anos. A mãe dele, a Leni, ficou muito traumatizada e não conseguia chegar nem perto dele. Até hoje, Lanza sofre com a morte do irmão. Com 2 anos o Pedro Lanza teve um ataque de bronquite e quase morreu e que até hoje ele tem que se cuidar pra não atacar de novo. Pedro tinha o sonho de ser gari, e até ganhou o baldinho e a roupa laranja. Pedro também é muito fã do Michael Jackson, ele se emociona ouvindo as músicas e sempre faz uma homenagem ao cantor nos shows.

Pe Lu: Quando o Pedro Lucas nasceu, o teste do pezinho dele, mostrou que ele poderia ter uma doença no cérebro, o que poderia causar uma deficiência mental. Para salvar a vida dele, a mãe de Pe Lu apelou para todos os santos. Entre eles estavam os santos Cosme e Damião, onde a Dona Teresa (mãe de Pe Lu) fez uma promessa que , se Pedro fosse curado, ela iria dar doces para as crianças durante 10 anos. Mas ai, novos exames comprovaram que ele não tinha nada, pois os exames foram trocados. Mais tarde, Pe Lu teve outra difícil fase em sua vida.. A morte do seu avô, no começo de 2009, que ele considerava muito. Pedro também tinha muita habilidade com a bola, mas teve que largar pois gostava mais de música.

Thomas: A mãe do Thomas, por ela ter diabetes, disseram que ela não poderia engravidar. Mas ela engravidou, superou os desafios e Thominhas nasceu. Mesmo grávida, Dona Elaine teve que enfrentar o abandono do pai de Thomas. Sozinha, a mãe de Thomas deu a luz, porém foi parar na UTI em estado grave. Mas olha só, a primeira palavra que Thomas aprendeu a falar foi pai, que é como ele considera o avô dele. Com 2 anos de idade, Thomas teve meningite, ele quase morreu. Ficou quase 20 dias sem se mexer no hospital.. E ele só reagiu quando a mãe dele levou uma música de capoeira pra ele ouvir. O que nem todo mundo sabe, é que Thomas treinou capoeira durante 9 anos. Mesmo depois de ter se recuperado da meningite, foi na escola que Thomas sentiu o peso da rejeição, da ignorância e também da dor. Por ser pobre, Thomas sofreu Bullying, pois tinha que ir de skate pra escola e usava uma franja gigante. Como se não bastasse, no final do ano passado, Thomas teve que enfrentar os problemas da mãe dele de saúde, porque ela ficou mal de diabetes de novo, e teve um infarto. Mesmo assim ele continuou fazendo shows, pra conseguir pagar o tratamento. Foi uma fase difícil, mais ele conseguiu superar.

Koba: A mãe de Koba chegou a ouvir dos médicos que seria muito difícil ela engravidar, e ela chegou a cuspir sangue por causa da doença que tinha. Mesmo depois de nascer, Koba teve que lutar pela vida. Nos primeiros 5 dias de vida, a mãe do Koba, Dona Rita, tinha que dar mamar a ele a cada 15 minutos porque ele vomitava tudo que ele mamava. Koba tentou comer normalmente aos 3 anos de idade, mas ele passou muito mal e ficou internado. E só voltou a comer bem, aos 11 anos. A família do Koba, descobriu que ele sofria de toque, que é transtorno obsessivo compulsivo quando ele ficava meio “louco” quando as coisas não estavam arrumadas do jeito dele, aí ele foi tratado por 5 anos. O Koba era muito apegado ao avô dele, tanto é que o primeiro violão que ele ganhou, que foi aos 4 anos de idade, e quem deu foi seu avô, já falecido. Outra paixão do Koba é o Skate, ele participou de várias competições, mas teve que parar por causa do rompimento do pé. Ele também tentou futebol, mas só que o corte no supercílio afastou ele das quadras. Koba também fazia Judô, e ele foi convidado a seguir essa profissão. Mas só que a religião da família dele não permitia.

É a história de 4 meninos, que lutaram pra chegar onde estão. Você julga sem conhecer. Eles são pessoas, como eu, como você, como todo mundo. Cada um teve sua luta pela vida. Sobreviveram, e mesmo assim ainda sofrem por causa de pessoas como você, que critica. Isso é preconceito. Agora que conhece, que tal mudar de opinião? Essa é a Restart. Eles têm sonhos.

(mafiapelanza)


 ♡  2417
 

#pedrolanza    #lucas    #gifsrestart    #entrevistas     ♡  246
 
 posted 2 years ago

 posted 2 years ago

#pedrolanza    #gifsrestart     ♡  586
 
 posted 2 years ago

#pedrolucas    #gifsrestart     ♡  484
 
 posted 2 years ago